Há alguns anos atras, surgia nas telas japonesas o que seria um dos animes mais vendidos da história, o tempo passou, a segunda temporada tardou a vir, porém enfim veio, mesmo que amargurando o fato de ter apenas 12 episódios.

Essa demora pode servir para baixar as vendas, se for o caso, mostra apenas o erro de estratégia em deixar passar todo esse tempo, tendo no meio do caminho apenas alguns OVAs e uma Live Action digna de suspeitas.

Contudo, mesmo com suas delongas, o anime enfim estreou e voltou sem enrolação, seguindo bem o mangá e apresentando de forma dinâmica os novos acontecimentos.

Outro fator importante que fez esse primeiro episódio decorrer bem, foi o desenvolvimento rápido e eficaz tanto dos acontecimentos, quanto da relação entre eles e os personagens, como a demonstração sutil de tragédia quando os Titãs aparecem ao sul, local onde fica a vila de um dos personagens.

Todavia o ponto auto do episódio foi certamente o novo titã, um titã com pelos, com inteligência fora do comum, um “anômalo”, que além disso faz algo ainda mais surpreendente: Ele pode falar.

Como eu li boa parte do mangá eu sei as explicações para esses acontecimentos, contudo caso eu venha a analisar o anime futuramente, irei agir de forma com que eu haja com a surpresa necessária e com as indagações corretas, já que o meu foco é analisar o anime, e não a original.

Dado a este fator, uma análise da história não é a unica parte necessária, e sim a forma com que a animação é efetuada. E sobre isto pode-se dizer que a mesma, por mais que não seja algo fenomenal, consegue, sobretudo graças ao bom jogo de câmeras que demonstra a boa mão do diretor para ação, cenas muito bem feitas e que passam a sensação necessária para as batalhas, de forma com que torne os episódios ainda mais cativantes de se verem.

Entretanto, não é só nisso que SNK se destaca, outro fato, este que foi por incrível que pareça foi a razão para anos atras eu ter visto o anime, são suas épicas OPs, cada uma com um suas músicas extremamente empolgantes e um jogo de cenas bem elaborado. O seu estilo não muda muito, todas elas que são feitas pela mesma banda não tem grandes diferenças, porém as poucas mudanças são o suficiente para continuar empolgando, mesmo que até agora não se superou a magnífica primeira, a segunda (que inicialmente me decepcionou devido a primeira) e a terceira são basicamente do mesmo “nível”.

Por fim foi um bom inicio, atendendo as minimas expectativas e criando um ambiente empolgante.

Nota da estreia: 3.75/5*

*Critério de notas -> Aqui

Autor: @Arthurcs10

Para comentar com o Disqus clique na imagem abaixo:

comentarios

Curta nossa página no Facebook : Nome Temporário

Siga nosso Twitter : @NomeTemporario2

 

 

Anúncios